O progresso espiritual

02/03/2020

Por Pe. Frei Marcelo Aquino, O. Carm


Precisamos urgente meditar sobre a vida espiritual, a vida social toma todo o nosso tempo com as coisas que nos rodeiam, na maioria das vezes coisas sem um verdadeiro valor, se podemos dizer no que tange ao progresso da alma.

O amor a Deus deve nos impelir a buscar corresponder-lhe a altura, é bem verdade, que nunca conseguiremos amar a Deus como Ele nos ama, mas, o nosso dever é nos empenhar para que nossa resposta a esse amor não seja um simples ato de retribuição, mas um profundo desejo de oferecer a altura do amor recebido.

Para Deus devemos sempre ter consciência de que podemos oferecer o melhor, e devemos nos empenhar nisto, pois caso contrário podemos cair no comodismo de achar que aquilo que fizemos era o que podíamos fazer, sem, contudo, nos esforçarmos para dá o melhor de si, por aquele que nos deu o seu melhor, Nosso Senhor Jesus Cristo.

Nós facilmente nos acostumamos com as coisas como elas estão, na verdade nós nos empenhamos muito nas coisas passageiras, coisas que em nada acrescentam a nossa vida espiritual, como o acúmulo de bens, a busca de investimentos econômicos e também a busca de novas amizades, no entanto, nós quase nunca nos empenhamos naquilo que realmente nos eleva para junto de Deus.

Daí se faz necessário uma intensa busca das coisas espirituais, nós nunca podemos nos dar por satisfeitos com a nossa vida espiritual, é preciso buscar sempre o progresso espiritual. E como podemos fazer isso? Basta que nos eduquemos a querer as coisas do alto, como nos diz a Escritura Buscai as coisas do alto, onde Cristo Jesus está à direita de Deus (Col, 3,1).

Precisamos nos desestabilizar, não podemos ficar inertes no campo do espiritual, devemos ter a consciência de que nossa vida espiritual está muito aquém do que devia ser na presença de Deus, para isso se deve buscar o incremento da vida espiritual, voltar nosso pensamento para Deus, buscar conhecer novas orações, ou até mesmo orações antigas e que nunca tivemos conhecimento, no campo da vida espiritual devemos ser sempre ambiciosos, ou seja, está sempre buscando onde melhorar.

Para poder alcançar um melhor desempenho na vida espiritual, se devem buscar leituras espirituais, os santos nos tem muito a ensinar, muitas vezes nós pensamos que determinados problemas espirituais, nunca foram discutidos ou desenvolvidos caminhos que devemos trilhar por algum santo. Por isso é necessário se fazer estudos da vida dos santos, descobriremos que não estamos sois, e que alguém no passado, enfrentou aquele mesmo "problema" e, que encontrou uma solução.

Portanto, arregacemos nossas mangas e nos empenhemos nesta busca, o cristão católico não pode levar vida medíocre, achando que assim já está bom para Deus, não está bom nada, corra ao encontro das coisas melhores, pois para Deus devemos oferecer o melhor que pudermos, o nosso amor por Deus deve se manifestar nessas coisas, no amor com que tratamos as pessoas, no amor com que tratamos nossa vida espiritual.

Na nossa vida espiritual devemos sempre nos considerar pobres, e em busca da riqueza, riqueza essa que é muito superior as riquezas desse mundo, nas verdadeiras riquezas encontramos o que a riqueza do dinheiro não pode nos oferecer, pois a riqueza do dinheiro é riqueza passageira, ao passo que a riqueza espiritual não passa, com ela nós podemos trazer luz à vida de uma pessoa pobre de esperança. A busca das coisas do alto deve ocupar o primeiro lugar nas nossas mentes e em nossos corações.

É sempre salutar pedir o auxilio da Bem aventurada Virgem Maria nesta busca, pois, ela sabe bem por onde trilhar, o caminho certo para Nosso Senhor. Que na nossa busca do progresso espiritual esteja sempre ao nosso lado a mãe do Senhor, que ela nos ajude a oferecer ao Senhor Jesus um coração semelhante ao dela, onde Deus sempre teve primazia, onde não havia espaço para o mal. Que Maria Santíssima a filha predileta do Pai nos ensine como ouvir e colocar em prática a vontade de Deus Nosso Senhor.